O julgamento das Três Marias

O julgamento das Três Marias

| 21 Abril 2022

O regime fascista considerou o conteúdo do livro "Novas Cartas Portuguesas", de Maria Teresa Horta, Maria Velho da Costa e Maria Isabel Barreno, “insanavelmente pornográfico e atentatório da moral pública” e ameaçou com uma pena entre seis meses a dois anos de prisão. A obra desafiou a ditadura e a ordem patriarcal e denunciou as várias opressões a que as mulheres estavam sujeitas, o sistema judicial que perseguia as mulheres escritoras, bem como a Guerra Colonial e a violência fascista. A 7 de maio de 1974, as Três Marias foram absolvidas. Foto publicada na página pessoal de facebook de Maria Teresa Horta.